Textos do Hugo

A importância de um sorriso

Vamos, agora abre um sorriso aí e dê uma risada… Vai, não é tão difícil assim! Claro, eu sei que a coisa está feia pro seu lado. Sim, eu já sei que doeu demais, que a saudade é grande, que o problema não se resolve nunca e que essa tal de luz no fim do túnel parece não acender nunca! Eu sei… Mas de que adianta ficar aí com essa cara feia, todo acabrunhado, choramingando pelos cantos, distribuindo patadas e construindo inimizades. Isso não vai resolver nada… E mesmo que você banque o teimoso dizendo que não está afim de sorrir, eu não vou acreditar, porque a verdade é que você está doido pra dar uma boa gargalhada. Vive aí sonhando com o dia em que vai acordar de manhã e dizer que é o ser humano mais feliz da face da Terra! Mas eu te digo uma coisa, meu caro amigo, não adianta você ficar esperando a oportunidade ideal para sorrir, porque talvez demore muito pra acontecer ou pior ainda: Pode ser que ela nunca aconteça. Idealização desmedida pode ser armadilha, pois furta o senso de realidade. Esperar que as situações proporcionem alegria pode ser uma grande perda de tempo. O motivo para sorrir quem inventa é você. Alegre-se por ter a chance de respirar, alegre-se por ter vida, alegre-se por ser quem você é. Alegre-se simplesmente porque alegria faz bem e cura a alma. Ainda que tudo ao seu redor tenha cheiro de tristeza e por hora seja impossível abrir um sorriso, mantenha acesa no fundo do peito a chama da alegria, pois quando a sombria tempestade passar, você terá forças para se erguer e fazer crescer essa luz que nunca se apagou.

The following two tabs change content below.
Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog e colunista do blog Que Me Transborde, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí - SP e mudou-se para São Paulo - SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt.

Latest posts by Hugo Ribas (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *