Textos do Hugo

E você achou que eu fosse sofrer…




Pois é, eu tenho o dom de surpreender, então acostume-se… Ou melhor, afaste-se.

Não sou do tipo que entra em jogo pra perder. Tenho maturidade suficiente para bancar minhas decisões e, principalmente, os meus sentimentos. Prefiro os jogos sinceros, amo corações abertos. Você tem me oferecido muito pouco, quase nada, e isso pra mim é sinal de desinteresse. Nada mais desanimador do que uma pessoa que não está interessada em mergulhar em sentimentos profundos e verdadeiros. Esse teu jogo de “não estou pronto para algo mais sério” não me atrai nenhum pouco, pelo contrário, só me faz ter vontade de desistir… É isso mesmo, desistir, pular fora, viver novas histórias e te reservar a uma simples e morna lembrança do passado.

Você achou que eu fosse sofrer por sua causa. Pensou que me conquistaria com sua instabilidade, achou que eu era o tipo desesperado por uma migalha qualquer… Baby, você se enganou e agora não sabe mais o que fazer pra me ter de volta. Você é muito bom na arte de seduzir e dizer belas palavras, mas seu repertório pára por aí. Para manter alguém do seu lado é preciso muito mais que um lindo sorriso, é preciso muito mais que joguinhos e charmes de sedução. É preciso vontade, é preciso atitude, é preciso sentimento de verdade… E acho que talento pra isso, meu bem, você não tem.

Acostumou-se a ser o centro das atenções, acostumou-se a ver todas as pessoas sofrendo e chorando por você. Sempre selecionando quem serve e quem não serve, como se as pessoas fossem descartáveis… Isso faz bem pro seu ego, não é?! Mas essa comigo não cola… Estou de saída. Mereço muito mais do que você tem me oferecido.

Dessa vez, quem não serve é você…

The following two tabs change content below.
Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog e colunista do blog Que Me Transborde, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí - SP e mudou-se para São Paulo - SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt.

Latest posts by Hugo Ribas (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *