Textos do Hugo

Ame alguém que…




Ame alguém que aceite seus medos e que se apaixone até pelos seus defeitos…

Fique com alguém que saiba respeitar o seu tempo, seu espaço e, principalmente, a sua vida.

Permaneça ao lado de pessoas que valorizem os seus sonhos… E que se encantem pelos seus planos.

Ame alguém que valorize cada segundo ao seu lado.

Não, não fique com quem perde tempo fazendo joguinhos para te desestabilizar.

Apaixone-se perdidamente por aquela pessoa que não está interessada em te culpar, mas sim em te fazer bem.

Excesso de cobranças e culpas minam qualquer tipo de relação… Não há amor que sobreviva a isso.

Encante-se por quem cuida de você. Isso é tão bom… Saber que existe alguém no mundo que só quer te ver feliz.

Ame, com toda sinceridade, aquela pessoa que te aceita assim do jeitinho que você é, cheio de qualidades, objetivos, medos, traumas e feridas. Fique com quem esteja afim de te ajudar a se curar, com calma, com respeito e carinho.

Envolva-se com alguém que se interesse pela sua história.

Jamais invista em quem só está afim de calar a sua boca.

Grosserias não podem ter chance com você, ok?!

E aqueles orgulhosos que gostam de pisar em você?! Esses não merecem seu amor, nem sua dedicação, muito menos suas lágrimas…

Fique perto de quem te provoque muita paz.

Ame alguém que faça seus olhos brilharem de alegria…

E se alguém disser que ficar com você é algo monótono, previsível demais e chato… E se alguém quiser te obrigar a ser quem você não é… Simplesmente ignore. Você não merece ouvir isso, nem se submeter a situações que não te agradam.

Ame alguém que se sinta privilegiado por receber uma carta escrita por você.

Fique com quem ache o máximo estar ao seu lado, mesmo que seja por cinco minutinhos, dentro de um carro pequeno no portão de casa… E se a pessoa achar isso chato demais, desapaixone-se rapidamente. Amor, desses de verdade mesmo, não precisa de atitudes mirabolantes, nem gestos grandiosos… Amor, quando é de verdade, adora simplicidade, paz e riso, porque o que mais importa é estar com quem se ama, seja onde for, como for e pelo tempo que for…

Enfim… Reciprocidade, amor e respeito, sempre.

A história que inspirou este texto foi enviada por uma leitora que não quis se identificar. Se você quiser me me contar sua história, fazer perguntas sobre a vida, o amor ou sobre os nossos sentimentos tão contraditórios, fique à vontade para deixá-la aqui nos comentários… Se não quiser que a sua identidade seja revelada, é só clicar em CONTATO, preencher o formulário, ou então entrar na minha página do Facebook 😉

The following two tabs change content below.
Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog e colunista do blog Que Me Transborde, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí - SP e mudou-se para São Paulo - SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt.

Latest posts by Hugo Ribas (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *