Textos dos colaboradores

Você é perfeita assim como é

Ei, você! Deixe as coisas acontecerem como têm que acontecer. Não tente controlar tudo e todos o tempo todo. A vida fica mais divertida quando damos espaço para as surpresas boas. Deixe de lado essa necessidade de estar sempre dando certo, de sempre estar no caminho certo, de sempre ter que achar a pessoa certa. Apenas relaxe e confie que a vida sabe o que deve ser.
Não se preocupe tanto com seu cabelo. Não faz mal se ele não é o mesmo daquela modelo famosa. O seu cabelo tem um charme todo especial, ele deixa você com cara de você. Se você ainda não está no peso que considera ideal, não faz mal. Divirta-se enquanto trabalha para um dia se olhar no espelho e, enfim, sentir-se completamente apaixonada por seu corpo. O que vai te levar para esse estado de gratidão não é alcançar o corpo perfeito, mas cuidar de si mesma como cuidaria de quem ama. Ah, e sabe essa marquinha que tanto te incomoda? Ela é linda, é o sinal pelo qual eu identifico você entre tanta gente igual e sem sal. Você é pura pimenta.




Pare de querer se encaixar. Você não é quadrada, nem redonda, tampouco triangular. Você é uma forma única, a forma perfeita para se encaixar na caixinha da felicidade. Só não pode ficar aí tentando arredondar-se para caber numa medida que não é sua. Não se envergonhe por ser como é… E também não sinta vergonha por lutar para alcançar uma forma que te faça se sentir bem. Só não se maltrate. Você já é alguém antes mesmo de querer ser alguém.
E naqueles dias que se sentir desencaixada, sem uma tribo ou até mesmo envergonhada por ser como é, lembre-se de olhar para o lado. Ali certamente você verá meus olhos te olhando e dizendo com um sorriso o quanto eu te acho linda. Eu, mais um desajustado no mundo, mais um completamente fora do padrão, enxerga em você toda a beleza e luz que esse mundo precisa. Ama-te.

Matheus Miranda é um vagalume que se propôs a ser ele mesmo, mesmo sabendo que a busca por si mesmo é sempre algo constante e mutável. Apaixonado pela escrita é membro idealizador do blog SER E SÓ. Leonino com a lua em virgem, estudou  Logística além de viajar apaixonadamente pelo comércio exterior, e por projetos com processos criativos e de co-criação. Entende que entre livros, vinhos e pessoas está o supra sumo do universo e o que vem em seguida disso é de regalo extra da maravilhosa vida.

Se você quiser fazer perguntas sobre a vida, o amor, sobre os nossos sentimentos tão contraditórios ou se quiser que sua história se transforme em textos aqui do blog, fique à vontade para deixá-la aqui nos comentários… Se não quiser que a sua identidade seja revelada, é só clicar em CONTATO, preencher o formulário, ou então deixar uma mensagem na nossa página do Facebook 😉 Vamos ficar muito felizes em poder compartilhar contigo esses desabafos e sentimentos <3
The following two tabs change content below.
Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog e colunista do blog Que Me Transborde, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí - SP e mudou-se para São Paulo - SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt.

Latest posts by Hugo Ribas (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *