Textos dos colaboradores

Em um relacionamento sério com o acaso

Para! Para de me dizer o que fazer, eu não te escuto e não me importo com a sua opinião, está perdendo seu tempo.

Eu sou alma de pipa voada já ouviu falar? Liberdade é meu sobrenome e nem penso em mudar.

Tenho um relacionamento sério com o acaso, sem pressa, sem planos.

Eu vou vivendo a vida e a vida me levando, sem fardos pesados sem ter que me explicar, sem hora marcada pra sair nem pra chegar.

Não preciso estar sozinha, sempre tenho alguém pra me acompanhar, e se pensa que sinto falta de um porto seguro, gargalho só de pensar.

Não sou mulher de ficar encostada em homem, eu quero mesmo é navegar.

Sou barco sem remos, direção não me interessa, vou seguindo meu destino aproveitando os caminhos, pro fim não tenho a mínima pressa.

Acredito que tudo que preciso pra ser feliz carrego comigo, por dentro. Andar sozinha não é problema. Me recuso a acreditar que preciso de algo de fora pra me realizar como pessoa.




Que isso! Eu sou eu, maravilhosa sorte de quem me encontrar azar de quem me perder.

Feliz sou eu por me ter pra sempre.

Ando com passos leves pra não perder um instante se quer, aproveitando a paisagem e fazendo parte dela também.

Então não adianta me analisar pelas suas medidas baratas, cada um é responsável pela vida que escolhe e pelas escolhas que têm.

E eu não vou deixar ninguém me influenciar a perder minha liberdade só pra fazer parte da frustração geral da humanidade… Essa gente incompleta que procura e nunca encontra a sua metade, por pensar que a metade tem que ser outro alguém.

Minha metade é a estrada, é o mar, é o céu da noite, as surpresas da vida e mais ninguém.

Eu sou completa e se um dia me juntar a alguém será para transbordar e não completar.

Eu vou ser o que quero ser e disso não abro mão.

Com o acaso andando do meu lado volta e meia me distraio e algo mágico sempre acontece.

Sabe, eu queria que você soubesse o quanto é bom ser simplesmente por ser, sem se preocupar e pilhar a mente pressionado a superar expectativas.

Minha única expectativa é acordar amanhã pra viver mais um novo dia da minha vida, a vida que realmente é minha e que eu amo viver.


Viviane de Oliveira Teixeira, mora em Ubá, interior de Minas Gerais. 
Transfere para o papel tudo o que lhe inspira e lhe incomoda, sempre compartilhando com as pessoas, refletindo e buscando aprender cada vez mais.

Se você quiser fazer perguntas sobre a vida, o amor, sobre os nossos sentimentos tão contraditórios ou se quiser que sua história se transforme em textos aqui do blog, fique à vontade para deixá-la aqui nos comentários… Se não quiser que a sua identidade seja revelada, é só clicar em CONTATO, preencher o formulário, ou então deixar uma mensagem na página do Facebook 😉

Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí – SP e mudou-se para São Paulo – SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt. Foi premiado em 5º lugar no XV Concurso Literário JI / AEPTI, na categoria Contos e Crônicas.

Entre em contato: ribashugo@hotmail.com

The following two tabs change content below.
Hugo Ribas é pisciano, escritor, leitor e também uma metamorfose ambulante. Criador deste blog e colunista do blog Que Me Transborde, adora se perder em sentimentos escritos e nem sempre consegue se encontrar em suas próprias palavras. Personagens, narrador e pensamentos se fundem num texto só. Nasceu em Jundiaí - SP e mudou-se para São Paulo - SP aos 16 anos, onde se formou em Design Gráfico e cursou teatro pelo Teatro Escola Macunaima. Apresentou peças de Gianfrancesco Guarnieri e Friedrich Dürrenmatt.

Latest posts by Hugo Ribas (see all)

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *