hugo ribas e sigo o meu caminho
Textos dos colaboradores

E sigo o meu caminho

E sigo o meu caminho…

Vida, caminhos, pessoas, decisões…

Incertezas…dúvidas.. questionamentos.. será que precisa ser sempre assim?

Será que o mais importante e o que mais vale a pena nesta vida não estamos perdendo nestes momentos de insatisfação, dúvidas, ansiedades e desejos mundanos?

Nossa vida, nosso ser, eu, aqui e agora com todas as possibilidades de viver na abundância. E ser quem eu quero ser, minha essência, expressar aquilo que vibra e toca meu coração. Simplesmente ser e esquecer um pouco o ter ou o tenho que.

Engraçado como sempre estamos em busca de algo novo, algo fora, ver algo diferente…

Esquecemos que nós podemos ser diferenteS. Podemos ser uma bela surpresa e novidade a cada dia para nós mesmos. E também para as pessoas que estão ao nosso redor. Porque não damos o devido valor ao nosso dia que estamos vivendo, ao hoje, ao momento presente – aqui e agora, pois neste exato momento é o que temos… E que belo presente..

Estarmos vivos, com saúde, com uma casa para morar, comida na mesa, e tudo o mais que já temos. Por que não damos mais valor e ficamos felizes com o que já possuímos, porque precisamos buscar fora na maioria das vezes?




A sociedade, a comunidade, as pessoas, a mídia, a igreja, a escola, ou sei lá mais o que nos impregnou de desejos de consumo. Desejos de uma vida sempre mais bonita e prazerosa fora do nosso alcance… Mas somos grandinhos, maduros e temos a liberdade para pensar com nossa cabeça.

No final das contas acabamos por muitas vezes seguindo esta “manada”. Seguimos no piloto automático sem nos dar conta que talvez nem queremos isto tudo que estão nos empurrando goela a baixo.

Pare uns minutos e reflita sobre isso. O que quero para mim, para minha vida, o que eu valorizo… O que realmente importa para que eu seja feliz e meus dias recheados de atividades que eu valorizo… Atividades que realmente são importantes na minha vida. Será que estou fazendo coisas demais para agradar aos outros? Será que no final das contas não agrado a mim mesmo e fico irritado e infeliz com isso ao final do dia?

Temos a nossa disposição uma imensidão de oportunidades e opções de escolhas. Que sejamos mais conscientes daquilo que realmente nos toca o coração, faz nossos olhos brilhar e que ao final do dia te dá aquele sentimento de gratidão e de dever cumprido -daquelas coisas que fazem sentido para você. Reflita sobre isso, se tocou em algum lugar aí dentro e fez sentido. Se não, tudo certo, siga no caminho que está.

A proposta é seguir o rumo da estrada que você escolheu, que para você tem um porque e aí está tudo certo. Navegue nessas águas transparentes e cheia de esperança de que cada novo dia é uma nova oportunidade de fazer diferente… Ou seguir por onde está, o que importa é fazer sentido e fazer você feliz. Viva La vida.. você é o mestre do barco da tua vida, e faça desvios quando necessário se assim você decidir. Tim Tim.


Leia também esse texto, ele pode te ajudar: Viva do seu jeito

Saiba um pouco mais a respeito da Alline Gallicchio clicando aqui.

The following two tabs change content below.

Aline Gallicchio

Alline Gallicchio - Uma alma sonhadora, buscadora. Terapeuta Reiki e Administradora. Uma Porto Alegrense morando em Nova Petrópolis - RS. Facilitadora de grupos de Comunicação Não Violenta e estudiosa de assuntos espirituais e amante de boas leituras. 

Latest posts by Aline Gallicchio (see all)

Comments

comments