Será que você já é feliz?

Será que você já é feliz?

As pessoas esquecem que a felicidade está nas coisas simples, nos momentos, nos pequenos detalhes e muitas vezes nem se dão conta do quanto são realmente felizes. A receita para a felicidade é tão menos complicada.

Dê mais às pessoas do que elas esperam e faça com alegria. Não acredite em tudo que ouve. Quando for dizer “eu te amo” seja verdadeiro e não machuque o coração de ninguém, você sabe o quanto isso dói. Quando for pedir desculpas, olhe nos olhos e realmente se sinta arrependido por ter errado.

Acredite no amor e no que de bom ele pode trazer pra sua vida. Nunca duvide dos sonhos de alguém. Faça o que você ama. Ame com todo teu coração. Não julgue as pessoas, você sabe que podem julgar você também e talvez de uma forma mais cruel. Entenda que grandes conquistas envolvem muitas batalhas e decisões nem sempre fáceis. Aprenda com seus erros.

As relações mais duradouras têm sempre alguém que aprendeu a ceder mais. Sorria pras pessoas na rua, talvez esse seja o único sorriso que essa pessoa vai receber durante o dia. Case com alguém que você goste de conversar, pois na velhice vocês entenderão o que isso significa. Passe um tempo sozinho, aprenda a ser feliz sem ter alguém por perto.

Esteja aberto às mudanças, elas sempre podem trazer alguma surpresa. Perceba que o silêncio às vezes pode ser a sua melhor resposta. Leia mais livros e assista menos TV. Confie em Deus, mas não deixe a porta aberta. Seja gentil, procure se colocar no lugar do outro. Vá pelo menos uma vez ao ano a algum lugar que nunca foi.




Aprenda que nem sempre o que se perde é realmente uma perda. Que tolice é se preocupar com as coisas que já não dependem mais de você. Faça o seu melhor, mas não seja carrasco consigo mesmo. Ajude o próximo da forma que puder. Tenha amigos e que você possa contar com eles sempre. Aprenda as regras e de vez em quando aprenda a quebra-las também.

 

Seja o tipo de pessoa que você quer ter por perto.

Tenha caráter e seja justo. Julgue seu sucesso pelas coisas que você precisou renunciar. Não se culpe por desistir de algo, desistência não é em nenhum momento sinônimo de fraqueza. Chore de vez em quando, isso alivia a alma. Tenha fé quando não souber o que fazer ou como fazer. Aprenda a ouvir os outros.

Esteja preparado pra morte, mas jamais deixe de viver. Comemore suas pequenas vitórias, elas te levarão à inimagináveis destinos. Seja grato. Aprenda a levantar depois de cada queda. Seja otimista até mesmo quando tudo parecer contrário.

Seja bom pra você e para com seus sentimentos. Não se compare aos outros, só você conhece suas verdadeiras lutas. Seja solidário. Espere sempre o melhor, um dia ele chegará até você. Não perca tempo querendo mudar o mundo, mude o seu mundo primeiro. Seja feliz com o que tem, ame a pessoa que você se tornou e sonhe cada vez mais alto, o trabalho será o mesmo. Ame a vida e as pessoas que você conquistou. Aprenda que a felicidade está no que não podemos tocar ou explicar, apenas sentir.


Se você gostou desse texto da Gisele Ribeiro, deixe seu comentário <3 E olha, tenho certeza que você vai AMAR esse texto também: Será que isso está te fazendo bem?!

Eu também sou colunista de outros blogs, dá um pulinho lá para conferir: Que Me Transborde / Superela /  Recalculando a Rota.

Gisele Ribeiro

Gisele Ribeiro, Gaúcha - Gremista - Escorpiana. Jornalista e Relações Públicas, mora em Caxias do Sul, RS. Apaixonada por livros, música, poesia, chimarrão e cachorro. As coisas simples a encantam e as palavras a transborda.

2 comentários em “Será que você já é feliz?

Os comentários estão desativados.