Entre tantos amores você foi o que meu coração escolheu hugo ribas
Textos dos colaboradores

Entre tantos amores, você foi o que meu coração escolheu

Entre tantos amores, você foi o que meu coração escolheu

Entre tantas pessoas no mundo, foi por você que eu me apaixonei.
Entre tantos e tantos perfumes, foi o seu que me envolveu.
Entre milhares de olhares nas ruas, foi no seu que eu mergulhei.
Entre tantos e tantos abraços, foi no seu que eu fiquei e fiz dele a minha casa.
Entre muitas e muitas mãos que me tocaram, foi na sua que eu segurei.

Entre todos os caminhos que eu podia seguir, resolvi seguir junto com você! Não importava onde a estrada nos levaria. Não importava o lugar onde viveríamos, o importante mesmo era que você estava ali comigo… E com você ao meu lado, eu tinha tudo. Inclusive felicidade.

Aliás, essa palavra descreve exatamente o que senti ao descobrir que estava me apaixonando por você.
FELICIDADE.

Logo eu, que passei tanto tempo sem nem ao menos lembrar como era o amor, te encontrei naquela tarde de inverno, esbarrei em alguém que traria o amor para o meu coração.

Parece meio clichê, parece que ninguém encontra o amor na calçada de casa ou na esquina da sorveteria, mas eu te encontrei. Meu olhar perdido se encontrou no seu. O seu sorriso fez surgiu o meu.

E naquele mesmo instante, sem nem ao menos dizer alguma coisa, eu já sabia, sabia que era você. Sempre foi você quem meus olhos procuravam na multidão. Era você que eu procurava nos beijos, era seus braços que eu procurava em tantos abraços. Mas no seu abraço eu descobri que era ali que eu queria acordar todos os dias. Era ali que eu queria me aninhar para assistir filme e comer pipoca no sofá da sala. Descobri no te olhar que você era quem eu queria amar. Descobri por fim, que sempre foi você, antes mesmo de te conhecer, sempre foi você o dono do meu coração.




É engraçado explicar para as pessoas que eu te amei antes de te encontrar. Elas me olham de um jeito estranho, mas de certinho mesmo nem nosso amor é.

Você é paciente, tem a calmaria do mar, seus olhos parecem aquelas águas verdes e mansas. Seu sorriso é enorme e cheio de mistérios. Já eu sou um pouco doida, elétrica, meus cabelos parecem ter vida própria. Sou impaciente e odeio esperar, mas parece que você era a pecinha que faltava. Você é o encaixe perfeito. O oposto e ao mesmo tempo tudo que eu precisava.

Você era o amor que meu coração nunca havia sentido, o sabor mais doce que eu nunca havia provado, você é brisa e eu sou furacão. Tudo isso faz da gente, um casalzinho estranho, um toque a mais de riso, um brilho novo no olhar. Tudo isso faz de você o cara mais lindo do mundo, aliás queria muito que por um dia tu se olhasse com os meus olhos… Que olhasse cada detalhe, do cabelo macio, dos dedos estranhos do pé até o enorme coração que tem. Cabe um tantão de gente, e você escolheu a mim para ocupar um certo espacinho.

Eu não tenho nada a te dizer, apenas a mostrar. Mostrar que sim, você sempre foi meu amor, e agora é o cara que me faz feliz. Eu só quero te dizer que você fica lindo com esse óculos de grau e que fica ainda mais lindo do meu lado, sempre e para sempre.


Deixe sua opinião, conte sua história ou seu desabafo nos comentários abaixo, vou respondê-los com todo carinho <3

Leia também esse texto, você vai AMAR com certeza: Você superou tudo tão rápido

Saiba um pouco mais a respeito da Bia Civa clicando aqui.

Eu também sou colunista de outros blogs, dá um pulinho lá para conferir: Que Me Transborde / Superela /  Recalculando a Rota.

Danúbia Civa, 21 anos, mora em Mato Castelhano/RS. Gosta dos romances mais doces e dos livros mais clichês. Apaixonada por sentir ao extremo, de preferência o amor. Gosta de sonhar, das coisas mais simples e dos perfumes mais marcantes. Uma garota clichê que adora viver, ler e escrever romances.

4 Comentários

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *