É hora de mudar de vida

É hora de mudar de vida

Às vezes é preciso mudar…

Em certos momentos da vida a gente se sente obrigado a tomar outros caminhos e a seguir por algumas estradas cheias de pedras. Em outros momentos nós seguimos por entre flores e grama verde.

Às vezes é necessário mudar.

Mudar a cor do cabelo ou a maneira como você se veste. Às vezes é preciso usar mais cores e olhar o mundo com mais bondade. Largar aqueles amigos que se diziam amigos de verdade, mas que com o tempo mostraram exatamente o contrário.

Às vezes é bom renovar os sapatos, jogar fora coisas velhas.

É bom se sentir jovem, sorrir para o mundo, acordar às 6h da manhã e ir correr, comprar pão na mesma padaria, dar bom dia a todas as pessoas que encontrar pela rua.

Às vezes a vida só pede que a gente pare de avaliar se determinada situação realmente te faz feliz, se aquele relacionamento tem mesmo amor ou se você se sente bem naquele trabalho.

Em outro momentos essas análises se tornam extremamente importantes. Faz-se necessário parar para pensar se você está vivendo ou se está simplesmente seguindo o fluxo, fazendo tudo por fazer.

É necessário criar novas rotas, viajar por outras cidades, comprar um café diferente, experimentar coisas novas ou aprender a gostar da rotina de sempre.

Mudar significa ir em frente mesmo quando as circunstâncias querem te fazer ficar no mesmo lugar. É sorrir quando tudo indica que você não está feliz, é abraçar aquelas pessoas com quem você teve problemas bobos, simplesmente pelo fato de nunca ter dito: “Oi, tudo bem com você?!”

Mudar faz parte do ser humano, mudar faz parte da evolução.




Eu particularmente adoro a rotina, mas às vezes é bom mudar, é bom inovar, é bom deixar a mesma coisa de lado e tentar uma nova. É tão bom acordar um certo dia e decidir ir a pé ao trabalho ao invés de ir de carro.

A mudança nos ajuda a descobrir talentos escondidos. Descobrimos coisas incríveis em nós mesmos.

Se você odeia dias chuvosos, experimente ler um livro nesses dias, você vai ver o quanto é maravilhoso.

Se você gosta de sol, faça caminhadas.

Se você adora frio, saia nele e sinta o vento na pele.

Viaje para lugares inexplorados.

Não me entenda mal, não estou dizendo para você se atirar de um penhasco, nem fazer loucuras, estou dizendo para você viver as mudanças que a vida oferece.

Lidar com mudanças é difícil, mas elas vem para nos desafiar a sair de uma rotina.

Às vezes é necessário perceber que aquele grande amor não é tão grande assim. É necessário avaliar se te faz bem ou se você já não está mais sorrindo como antes. E se perceber que isso está acontecendo, deixe-o para trás garota, deixe ir, pois ele nem merecia ficar.

E se aquele medo de não encontrar ninguém vier te incomodar, esqueça. Você vai encontrar alguém sim. Alguém que te faça sorrir com duas ou três palavras. Alguém que venha para transbordar tudo que você já é. Alguém que te aceite com esse teu jeitinho complicado e que te faça perceber que é esse jeitinho que te faz ainda mais especial.

Você vai encontrar alguém que tenha a risada gostosa e que fique ecoando em seus ouvidos. Alguém que te faça acreditar que é possível sim amar.

Alguém que queira estar contigo em cada instante, em cada segundo, em cada minuto.

Alguém que sinta saudade, que vá te ver em dia de semana, que queira jantar fora ou fazer comida em casa.

Pra encontrar esse alguém você vai ter que mudar algumas coisas, mas isso não significa que você precisa mudar teu jeito.

Significa que você precisa arrumar a casa para ele chegar, significa abrir a porta para coisas novas entrarem, coisas boas.

Mudar é bom, mas sem perder a essência. Mudar é bom para acrescentar ainda mais qualidades a tudo que você já é.

Mudar é maravilhoso, porque assim a gente anda para frente, sem deixar de lembrar do que já fomos, mas sempre tentando melhorar, sempre para algo melhor.

Mudar é deixar de lado os erros e acreditar que seus acertos são muito maiores que todos eles.

Mude, não fique sempre no mesmo lugar. Não jogue sempre o mesmo jogo ou assista o mesmo filme, você vai descobrir que não são só as comédias que te fazem sorrir.


Deixe sua opinião, conte sua história ou seu desabafo nos comentários abaixo, vou respondê-los com todo carinho, afinal de contas todos nós temos as nossas doçuras e amarguras dentro do coração <3

Leia também esse texto, você vai AMAR com certeza: Eu me declaro culpada

Saiba um pouco mais a respeito da Bia Civa clicando aqui.

Enfim, eu também sou colunista de outros blogs! Então, dá um pulinho lá para conferir: Que Me Transborde / Superela /  Recalculando a Rota.

Bia Civa

Danúbia Civa, 21 anos, mora em Mato Castelhano/RS. Gosta dos romances mais doces e dos livros mais clichês. Apaixonada por sentir ao extremo, de preferência o amor. Gosta de sonhar, das coisas mais simples e dos perfumes mais marcantes. Uma garota clichê que adora viver, ler e escrever romances.

Um comentário em “É hora de mudar de vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *